Sebrae lança na Rio + 20 cartilha sobre aproveitamento de resíduos sólidos

O lixo descartado diariamente pode ser fonte de geração de renda tanto por meio do processamento como da logística e armazenagem. Considerando a viabilidade econômica, social e ambiental desse material ainda pouco aproveitado, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) lançou nesta quarta-feira (13), na Rio + 20, a cartilha “Gestão de Resíduos Sólidos: uma oportunidade para o desenvolvimento municipal e para as micro e pequenas empresas”.

O material traz dados sobre a geração do que hoje se denomina resíduos sólidos e detalha a legislação prevendo que até 2014 os lixões deverão ser eliminados da estrutura urbana no Brasil. A cartilha foi apresentada pela Diretora de Operações do SebraeMS, Maristela de Oliveira França, no AgroBrasil, espaço mantido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) durante a Rio + 20. No primeiro dia do evento, o espaço foi ocupado pela Federação da Agricultura e Pecuária de MS, que juntamente com instituições parceiras apresentou cases de sucessos do agronegócio sul-mato-grossense.

Além de incentivar gestores das três esferas – federal, estadual e municipal – na introdução de modelos de destinação e aproveitamento de lixo , a cartilha aponta as oportunidades de negócios que o emprego dos resíduos representa para o empreendedorismo, a partir do conceito de formação de cadeias. “Ações integradas entre iniciativa pública e privada são um caminho eficiente para o aproveitamento deste capital, gerando efeitos econômicos e sociais que compõem a sustentabilidade”, ressaltou a diretora durante a apresentação.

O presidente do Conselho Deliberativo do SebraeMS, Eduardo Riedel, destaca a valorização de oportunidade para o desenvolvimento municipal e das micro e pequenas empresas por meio de ações sustentáveis e aponta a necessidade da adoção dessas como um conceito de valor. “O aproveitamento adequado dos descartes diários é a contribuição que está ao alcance de todos para que os ideais de preservação sejam concretizados”, enfatiza.

“Iniciativas como essa tem significativa importância para consolidar o termo sustentabilidade nos municípios, que são a menor porém a mais importante esfera da gestão administrativa”, ressaltou o especialista setorial sênior do Banco Interamericano de Desenvolvimento (FOMIN/BID), Ismael Gílio.

O lançamento da cartilha está inserido nas ações do Prolocal, Territórios da Cidadania e MS Sem Fronteiras (Brasil, Bolívia e Paraguai). Estará disponível no site do Sebrae, Prolocal e MS Sem Fronteiras. A iniciativa tem o apoio do Bid e Governo do Estado (Seprotur).

Fonte:http://www.agorams.com.br/jornal/2012/06/sebrae-lanca-na-rio-20-cartilha-sobre-aproveitamento-de-residuos-solidos/


Fonte:

Deixe seu comentário